quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Ana Não Morre, mas entra em Coma



Contando os segundos para a cirurgia de Ana (Fernanda Vasconcellos) acabar, Eva (Ana Beatriz Nogueira) fica aliviada quando vê Lúcio (Thiago Lacerda) e pergunta se deu tudo certo na operação da filha. Solícito, o médico explica com calma que o objetivo principal foi atingido, mas que, ainda assim, a tenista permanece em estado vegetativo - e o quadro pode ser definitivo.


“Antes da cirurgia nós realmente não tínhamos como avaliar, e eu mesmo disse que seria necessário um período de observação. Infelizmente, através de alguns exames, nós identificamos uma lesão axonal difusa e... Tudo leva a crer que o estado vegetativo da Ana possa se estender indefinidamente”, revela.
Eva surta e tenta invadir o centro cirúrgico para ver a tenista. “É mentira! Eu vou acordar minha filha. Ela vai acordar quando passar a anestesia”, afirma, desesperada. Lúcio explica que a tenista precisa ser levada para a UTI e depois poderá receber visitas, mas a mãe continua descontrolada.


“O que eles estão dizendo é uma bobagem, e não faz o menor sentido. A Ana é uma guerreira”, afirma para si mesma, andando sem rumo pelo hospital. Iná (Nicette Bruno) vê o estado da filha ao chegar ao saguão e pergunta o que aconteceu. Sem querer encarar a realidade, Eva diz que vai levar Ana para casa e cuidará sozinha dela. Nesse momento Lúcio aparece e dá um copo de água para ela.


Lúcio conversa com Iná (Foto: A Vida da Gente - Tv Globo)

Lúcio conversa com Iná (Foto: A Vida da Gente/ TV Globo)


Iná aproveita para entender o que está acontecendo e Lúcio revela que o coma de Ana pode durar meses, anos ou até a vida inteira, deixando-a arrasada.


Saiba Mais:

Eva culpa Manu por acidente


Achando que Manu (Marjorie Estiano) contou para Rodrigo (Rafael Cardoso) que ele é o pai de Júlia, Eva (Ana Beatriz Nogueira) entra como um furacão no quarto da neta no hospital e tira satisfação com a filha. Descontrolada, briga com Manuela e a acusa de ter sequestrado Ana (Fernanda Vasconcellos) - e ainda diz que a tenista é sua única filha de verdade.


Nervosa, Manu tenta explicar que Rodrigo deve ter deduzido isso após trocar algumas mensagens e ligações com Ana antes do acidente, mas Eva não acredita. “A sua irmã está inerte em cima de uma cama, é muito fácil agora colocar palavras na boca dela”, acusa.

Eva garante que Ana sabia que toda a mentira foi inventada para o bem da família e diz que confia cegamente nela. Manu pede para a mãe se acalmar e diz que vai conversar com Rodrigo para ele não prejudicá-la. “Não se faça de sonsa. Você e aquele moleque. Como se não bastasse acabar com a vida da sua irmã, agora vem para cima de mim”, dispara.


Depois do escândalo, Eva passa mal e Manuela pede ajuda da enfermeira (Foto: A Vida da Gente - Tv Globo)
Eva passa mal e Manu pede ajuda à enfermeira

Arrasada, a filha acaba tendo a maior decepção de sua vida. Eva continua a fazer acusações e a renega como filha: “Com essa cara de boazinha, essa voz de santa, foi capaz de tudo isso: sequestrar sua irmã, tirar ela de campo, e agora, não satisfeita, articular com esse rapaz um modo de me encrencar com a justiça. A minha única filha. A única de verdade. Eu não vou aguentar, meu Deus. Não vou”, afirma, caindo sem força no sofá.


Preocupada, Manu chama enfermeira às pressas, enquanto Eva se recusa a tomar remédios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário